Katy Perry é capa da ESPN Magazine com o jogador J.J. Watt



Faltando 12 dias para o Super Bowl, em promoção do evento, Katy Perry e J.J. Watt (do Houston Texas) estão na capa da revista ESPN e juntos fizeram um ensaio fotográfico e uma entrevista. A capa foi recentemente divulgada, porém o miolo ainda não. Abaixo você confere a adaptação e tradução da matéria com a entrevista:

Quando Katy Perry descobriu que ela estaria com J.J. Watt “eu fui direto ao Google”, diz ela. Ela afirmou que viu a foto sangrenta de J.J. de quando ele jogou om Seahawks em 2013. “Eu fui mostrando para os meus amigos, dizendo: Veja esse cara. Eu estarei fotografando com ele”.
Sobre a foto, J.J. “Minha mãe nunca foi uma grande fã dessa foto”, admite Watt sentado ao lado de Katy no estúdio. “Eu tento não sangrar mais.”.
“Aquela foto é real… interessante” diz Katy, “Quero dizer, ele parece tão bem agora, em pessoa! Eu nem sequer o reconheci”

Ela estava no The Grove em Ole Miss antes de seu primeiro jogo de futebol em outubro, escolhendo os rebeldes contra o Crimson Tide on College GameDay, em seguida, invadiu o campo sem sua equipe de segurança terminou a noite em um boteco Oxford. “Journey estava tocando ‘Don’t Stop Believin”, e eu pensei,’Por que não ter a essência da garota da faculdade e pular do balcão?”. Então ela fez, capturado em flagrante em vídeo.

“Foi divertido?” Watt pergunta.

“Sim, foi tudo o que eu sonhava”, diz ela. “Eu só precisa fazer isso uma vez, apesar de tudo. Essa foi a única vez na turnê que eu realmente tinha um par de cervejas. E no dia seguinte eu estava como [choro] …”

Watt sempre quis jogar futebol para os Badgers, ele chegou a confidenciar esse sonho para uma professora da quarta série que até hoje mantém contato. “Eu era apenas um zagueiro magro, estudante do segundo ano”. Ele abriu uma academia e eu disse: “Ouça, eu quero ficar ótimo”.
Isso aconteceu. Ele foi à Wisconsin como ‘ponta defensivo’ e anos mais tarde, ele andou pelo campo em seu último jogo, os fãs gritavam seu nome. “Foi uma das experiências mais especiais da minha vida”, diz Watt. “Eu realmente não tive nada parecido até este ano, cai em Houston, quando os fãs começaram a fazer coisas do tipo”
Perry sabe como ele se sente. “Para mim, é sobre as letras, quando todos eles estão cantando essas canções que eu escrevi em um pequeno apartamento, ou em uma garagem, ou um pequeno estúdio” diz Katy sobre os shows. “Especialmente quando eu comecei, ouvindo estas letras que eram tão sagradas para mim, ouvir milhares de pessoas cantando-as, é uma sensação incrível que é incomparável a qualquer outra coisa”
Como Watt e Perry realizaram seus sonhos jovens. Já com 9 anos, Perry iria cantar para seus pais evangélicos em Santa Barbara, Califórnia. “Todo mundo estava na sua e, em seguida, de repente, a cabeça iria virar quando eu começasse a cantar. Foi esse truque de mágica que eu tinha. Eu acho que eu amei essa atenção. E eu fui trás disso”, diz ela , rindo. “Mas quando eu estava cantando com uma escova de cabelo, eu não tinha ideia da incrível quantidade de trabalho que é necessário para chegar a este nível.”

“Quando você vai junto, você meio que começa a perceber o que é preciso” Watt faz coro. “Isso é o que o dia a dia é. É o material que ninguém vê na TV. Mas isso é o material que realmente te faz ótimo. “

“Muita gente concorda que é fácil chegar ao topo, mas trata-se de como se manter lá”, diz Perry, voltando-se para Watt, “com grandes jogos de cada vez.”

“Sim, grandes canções”, diz ele. “Todo mundo está tentando derrubá-lo. Então, o que você vai fazer para ficar lá? Como você vai trabalhar sendo muito mais difícil?”

Quando isso acontece, é Perry e não Watt que vai entrar em campo no Super Bowl no dia 1º de fevereiro. E ela promete que vai ser surpreendente, no show do intervalo de 12 minutos e meio : “Sinceramente? eu me sinto como se eu tivesse além do meu sonho”, diz ela. “Eu não fico nervosa sobre muita coisa, mas eu definitivamente vou ficar com um pouco de friozinho na barriga nesse dia.”

“E você deve ficar”, diz Watt com uma risada. “Ela está tocando em um jogo maior do que eu já cheguei a jogar. Eu estou esperando para um dia usar esses sapatos”

Abaixo você confere os bastidores do ensaio fotográfico:

Confira as fotos para revista:

Joe Pugliese (ESPN Magazine) [HQ]


0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira também d2